DESTAQUES CEARENSES

DESTAQUES

CEARENSES

Edição

2020

Alexandre Sales

Troféu Empreendedores

*******

Igor Queiroz Barroso

Troféu Benemerência

*******

Cabeto Martins Rodrigues

Troféu Prasino Angelos

_______________________

PALAVRA DO ANO

EM 2020

“PANDEMIA”

*******

SENTIMENTO

MAIS DEMANDADO

EM 2020

“RESILIÊNCIA”

______________________

quarta-feira, 20 de maio de 2015

NOTAS JORNALÍSTICAS

I
IBIAPINA NA TV 


O jornalista Wilson Ibiapina, da Sucursal do Sistema Verdes Mares em Brasília, Titular da Cadeira de nº 39 da ACLJ, estreou a apresentação de um programa de notícias que vai ao ar às terças-feiras, às 14:30h, pela TV Diário, com informes de maior interesse dos cearense, diretamente do Distrito Federal. 

José Wilson Ferreira Ibiapina nasceu em Ibiapina, no Ceará, em 26 de fevereiro de 1943. Entrou para a Globo em 1970, quando as notícias ainda eram transmitidas em filme para o Jornal Nacional. Foi o primeiro repórter de Brasília em uma época sufocada pela censura federal.

Começou a trabalhar, aos 14 anos, como repórter amador em um jornal de Fortaleza. Aos 19, trabalhou na primeira TV do Ceará. Foi repórter também dos Diários Associados antes de ir para o Rio de Janeiro, em 1968, onde trabalhou no jornal Correio da Manhã e na Rádio Tupi.

Em 1970, foi para Brasília, onde conheceu Paulo Mário Mansur, diretor de Jornalismo da Globo de São Paulo, enviado à Capital Federal para montar a Globo Brasília. Convidado a fazer parte da nova equipe, tornou-se o primeiro repórter da sucursal, então sob a direção do maranhense Edison Lobão, na época jornalista. 



O novo programa da TV Diário apresentado por Wilson Ibiapina, intitulado simplesmente “Brasília-Ceará”, busca ampliar a cobertura jornalística, já realizada pela TV Diário, das atividades parlamentares, além de trazer entrevistas com personalidades políticas na redação da sucursal da emissora na Capital Federal.




II
FURO DE REPORTAGEM 

O jornalista Lúcio Brasileiro é Comendador da ACLJ, a primeira instituição a homenageá-lo pelo seu jubileu de diamante na imprensa cearense, ocorrido em 2014, nos seus 60 anos de jornalismo continuo e ininterrupto, um recorde mundial.

Naturalmente,  a coluna do Lúcio Brasileiro no Jornal O Povo tem fonte jornalística autorizada e fidedigna entre os nossos acadêmicos, no caso o confrade Vicente Alencar, que é membro da Decúria Diretiva da ACLJ e "vazou" uma importante novidade interna ainda inédita.

Assim é que foi divulgada em coluna do Lúcio Brasileiro (Jornal O Povo, 18 de maio) decisão recentíssima da ACLJ, tomada na reunião deliberativa da última quinta-feira (14 de maio), que resolveu instituir duas novas comendas, reservadas a professores veteranos de artes corporais, como o balé e o judô, em reconhecimento de sua contribuição à cultura física e à formação moral de gerações de cearenses.

Ao deparar a notícia na coluna do Lúcio Brasileiro – talvez o espaço jornalístico mais prestigiado na nossa sociedade – a Secretaria da ACLJ teve que oficiar com urgência às famílias dos paraninfos das novas comendas, comunicando (ou confirmando) a homenagem anunciada.

Darão nome às duas láureas o Dr. Edílson Brasil Soares, fundador do Colégio 7 de Setembro, e o Professor Ari de Sá Cavalcante, do Colégio Farias Brito, tradicionais instituições cearenses de educação que hoje têm suas próprias faculdades, com cursos de ensino superior.

Como os irmãos Ednilo e Ednilton Soares já se manifestaram, acatando e agradecendo a honraria dirigida ao seu ilustre pai, a "Comenda Educador Edílson Brasil Soares" já deverá ser outorgada a 04 personalidades locais na próxima Assembleia Geral Ordinária da ACLJ, em novembro vindouro, dentre elas a professora de dança Regina Passos Picanço e o professor de balé Hugo Bianchi, ambos nonagenários.      



 *No jargão jornalístico, “vazar” a notícia é revelar para a imprensa uma informação que se obteve intramuros, provocando a sua divulgação antes que a instituição que a produziu a tenha divulgado.  A "fonte" é aquele que informa ao jornalista e dar um “furo”, por seu turno, na mesma terminologia profissional, significa publicar uma matéria obtida em primeira mão. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário