HOMEM DO ANO NO CEARÁ

2019

Cândido Albuquerque

Reitor da UFC

______________________

DESTAQUE CEARENSE

2019

Mansueto Almeida

Secretário do Tesouro Nacional

_______________________

PALAVRA DO ANO NO BRASIL

EM 2019

“PROTAGONISMO”

(COM AS SUAS COGNATAS)

______________________


terça-feira, 3 de dezembro de 2019

POEMA - Mestre Dorneles (ES)


MESTRE DORNELES
Edmar Santos*

Vi um nego parado, calado olhando pro lado.

/Tandadan/Tandandan/; Fio esticado, cabaça oca, baqueta, pedrinha que encosta no fio, pau em pedaço, fabrica som de molejo. Berimbau, berimbau!

Coluna envergada, direita e esquerda; perna esticada, rasteira certeira. Pula, firula de ginga, moleque matreiro.
/Tandadan/Tandandan/; Berimbau ritmiza, suor suado que molha a camisa; cordão na cintura que mostra a perícia, é preta a corda de mestre Dorneles. Capoeira!


Nego calado, parado pensando; quando encostar cuidado, olha se está te esperando. Poeira levanta no pé que arrasta, gingando encolhe, estica, salta; feito de mola, ágil que espanta. Capoeira!

/Tandandan/tandandan;/ Mestre Dorneles, capoeira menino, dança de atabaque, pandeiro de roda. Capoeira!
Nego Kalunga, Zumbi de Palmares, ancestrais do chicote, benção para ti, cordão é preto, Mestre Dorneles. Capoeira!


Nenhum comentário:

Postar um comentário